segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Poeiras.

Para muitos poeiras é algo incômodo que causa alergia e irritações nasais.
Mas a poeira pior  é a que infiltra em nossos conceitos e revela o ódio e ira contra o outro.

Dias desses “seletando” os canais da TV aberta, vi um desses caras que ganham dinheiro empobrecendo almas com conceitos religioso financeiros e que entre um versículo e outro ele semeia o ódio entre as pessoas, como fez Hitler e outros monstros humanos.

Sempre pregam contra os sábios, porque Daniel matou 300 sábios. Sempre pregam contras as demais religiões, porque Deus é um só e Deus não gosta de outras religiões. E como íntimos de Deus, sempre sabem o que Deus está pensando. Falam assim, rapidamente, como uma poeira deixando a sua partícula de ódio nas pessoas. Pessoas tão incultas e esfomeadas de fé, que um dia talvez podem vir a  acreditar nesse ódio.

E no final esses caras íntimos de Deus sempre mostram a conta bancaria para depositar a grana o dizimo tão sagrado para eles.
O meu medo é que essas poeiras, um dia se tornam tempestades como o nazismo que era apenas uma poerinha no começo e o qual  poucos acreditavam .

Outras poeiras porem podem nos alimentar de esperança e nos salvar de tempestades.
Como partículas de poeira acredito existir em cada pessoa uma tendência a não fazer mal ao outro, mas compreende-lo. Ainda que pequena em alguns e grande em outros. A história prova isso, com grandes homens que salvaram milhões de pessoas ou apenas uma pessoa; Ou pessoas que até hoje nem mesmo sabemos o seu nome, nunca foi mencionada na história, mas que salvou e ajudou tantas outras. Assim como compreendeu e entendeu a sua diferença e a diferença do outro nessa vida.

Por isso cuidado quando tirar as poeiras de sua alma. Cuidado para não tirar as poeiras do bem e deixar somente aquelas que farão sua vida uma tempestade.