sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Três mulheres, seus sonhos e a coragem.

A academia sueca acaba de divulgar o Prêmio Nobel da Paz de 2011. E deu a três mulheres, por lutarem pela paz, pela liberdade de expressão e os direitos das mulheres sem usar violência alguma.
E essas mulheres lutam em países onde a liberdade é artigo de luxo assim como o respeito aos direitos humanos e em especial o direito das mulheres. 
Uma é do Iêmen
Tawakkul karmam, que luta pela liberdade de expressão e direitos das mulheres.
As outras duas são da Libéria, 
Ellen Johson Serhaf e Leynah Glowee, Ellen foi eleita presidente, a primeira da Libéria da  Africa e a outra defensora dos direitos onde organizou mulheres de varias etnias de seu país para ajudarem a acabar com a guerra.
Essas mulheres, assim com Stive Jobs o criador da Apple não tiveram medo de seus sonhos, de seus desejos e tiveram coragem para ir até onde foram.
Nós humanos ganhamos muito. Obrigado a todos.